a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Geral

Publicidade

Morre o padre Gabriel Zucco, vigário paroquial de Áurea

Pe. Gabriel teve complicações após cirurgia cardíaca no Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo

Por: Da Redação
Fotos: Arquivo Diocese de Erexim
zucco

Às 18h35, desta quarta-feira de cinzas, dia 14, na UTI Cardíaca do Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo, faleceu Pe. Gabriel Zucco, atualmente vigário Paroquial da Paróquia N. Sra. do Monte Claro, de Áurea.

Pe. Gabriel havia sido internado no dia 23 de janeiro para cirurgia de substituição de válvula do coração, implantada há 20 anos. A cirurgia foi realizada no dia 25. Depois da cirurgia, ele teve diversas complicações. Entre elas, infecção bacterial hospitalar, mau funcionamento dos rins, alterações constantes da pressão arterial, convulsão cerebral deixando áreas múltiplas e extensas de isquemia, ruptura dos pinos colocados no peito, necessitando de nova anestesia para sua recomposição. Depois da cirurgia, praticamente ficou em coma induzido durante todo o tempo.

O corpo do Pe. Gabriel será velado na igreja da sede paroquial de Áurea a partir da noite desta quarta-feira, onde haverá missa de corpo presente às 08h30 desta quinta-feira, 15, seguindo após para a igreja N. Sra. da Glória de Erval Grande, onde seus pais, já falecidos, residiam e onde ele tem uma irmã e um irmão. Lá haverá também haverá missa de corpo presente às 15h30 e após o seu sepultamento no cemitério da cidade.

Dados biográficos

Pe. Gabriel nasceu no dia 21 de março de 1955, em Chapadão, do atual Município de Paulo Bento. É o segundo dos seis filhos de Silvestre Zucco e Natalia Kosloski Zucco, ambos falecidos. Em 1960, a família se transferiu para Erval Grande, residindo no povoado Pinhalzinho daquele município até 1977, passando depois para a cidade. Gabriel cursou a primeira até a quarta série do ensino fundamental no povoado Pinhalzinho. Depois, estudou nos seminários da Congregação dos Pobres Servos da Divina Providência em Farroupilha e Porto Alegre. Concluído o segundo grau, passou para a Diocese de Erexim, fazendo filosofia no Seminário Imaculada Conceição de Viamão e teologia na Pontifícia Universidade Católica de Porto Alegre.

Foi ordenado padre no dia 15 de dezembro de 1984, na igreja Na. Sra. da Glória de Erval Grande, por Dom João Hoffmann. Seu lema de ordenação é: “Eis-me aqui, Senhor, envia-me” (Is 6,8).

Pe. Gabriel exerceu as seguintes funções:

– Assistente e professor no Seminário de Fátima, em 1985;

– Vigário-paroquial na Catedral São José, de 1986 a 1988;

– 1988: responsável pelo acompanhamento aos benfeitores do Seminário;

– Pároco de Estação, de 1989 a 2000;

– Pároco de Barão de Cotegipe, em 2001;

– Pároco de Paulo Bento, de 2002 a 2010;

– Pároco de São Valentim, de 13/02/2011 12/02/2012.

– Vigário Paroquial de Getúlio Vargas de 2012 a 2015;

– Vigário Paroquial de Áurea desde 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE