divdiv
PUBLICIDADE

Sem categoria

Publicidade

Acadêmicos do Curso de Direito da URI participam de viagem de estudos a Itaipu

A ação, que faz parte da disciplina de Direito Ambiental, teve início em 2008 com o objetivo de buscar uma conscientização para a responsabilidade socioambiental e uma postura de atuação para práticas sustentáveis

Por: Assecom URI Erechim
Fotos: Assecom URI Erechim

O Curso de Direito da URI vem desenvolvendo o projeto de Extensão “Transformar Consciências: o Direito Ambiental na Prática”. A ação, que faz parte da disciplina de Direito Ambiental, teve início em 2008 com o objetivo de buscar uma conscientização para a responsabilidade socioambiental e uma postura de atuação para práticas sustentáveis. Neste ano, o projeto consolidou-se com a participação de mais de 700 acadêmicos na viagem de estudos à Hidrelétrica de Itaipu e Foz do Iguaçu.

No primeiro semestre, os acadêmicos das turmas 2012/I Diurno e 2012/I Noturno, tiveram a oportunidade de participar desta viagem de estudos, acompanhados pelas professoras Vera Maria Calegari Detoni e Andréia Mignoni Zanatta.
No segundo semestre, as turmas 2013/I_Noturno, 2013/I_Diurno e 2012/II, num total de 83 acadêmicos, também estiveram em Foz do Iguaçu, visitando os projetos de educação ambiental da Hidrelétrica de Itaipu, as Cataratas do Iguaçu, o Ecomuseu e o Parque das Aves. Acompanharam esta viagem as professoras Vera Maria Calegari Detoni (coordenadora do projeto), Andréia Mignoni Zanatta, Alessandra Biasus e Viviane Giacomazzi.

O objetivo desta viagem foi verificar a complexidade de se avaliar os impactos ambientais em empreendimentos de grande porte, conhecer os programas ambientais desenvolvidos pela Hidrelétrica, seu regime jurídico, visitar o Ecomuseu, o Parque Nacional do Iguaçu e o Templo Budista.

Foi relevante para os acadêmicos observar a parceria entre as diferentes instituições e os projetos desenvolvidos pela Itaipu Binacional para a conservação do meio ambiente. Segundo Vera Detoni, “a viagem foi de uma experiência inesquecível, um tempo de integração entre os estudantes e também de muito aprendizado”.

A Coordenadora do Curso, Professora Simone Gasperin de Albuquerque, ressaltou a importância do Projeto como forma de possibilitar com que os acadêmicos vislumbrem na prática a tutela jurídica do meio ambiente e a importância da sustentabilidade ambiental para a sociedade contemporânea.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE