divdiv
PUBLICIDADE

Brasil

Publicidade

Bebê tem boca tapada com fita adesiva para não chorar enquanto mãe mexe no celular; assista

Pai da criança filmou a atitude da mãe e o vídeo repercutiu nas redes sociais, chegando ao Conselho Tutelar

Por: Cartão de Visita News/MT

A bebê de 6 meses que teve a boca tapada pela mãe com uma fita adesiva enquanto chorava, no Bairro Alto da Glória, em Sinop, no norte do estado do Mato Grosso, foi encaminhada para um abrigo. A mãe deverá responder pelo crime de maus-tratos, de acordo com o delegado Sérgio Ribeiro. As informações são do A Tribuna.

O vídeo foi gravado na semana passada, pelo pai da bebê. Ele chegou em casa e encontrou a filha, na cama, com a boca tampada com uma fita adesiva, enquanto a mãe estava no quarto ao lado mexendo no celular. O pai registrou uma denúncia à polícia.

O vídeo repercutiu nas redes sociais. Ele retirou o adesivo da criança e cobrou explicações da mãe da bebê, que estava mexendo no celular numa sala ao lado.

Nas imagens, é possível ver a bebê deitada em uma cama, chorando com a boca tapada com fita. Em seguida, o pai retira o adesivo e questiona a mãe do motivo dela ter feito aquilo, mas ela permanece em silêncio. Confira o vídeo abaixo:

O caso chegou ao conhecimento do Conselho Tutelar de Sinop, que começou a acompanhar o caso, que é investigado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Sinop.

Segundo a conselheira tutelar, a mãe da criança tem 18 anos e enfrenta problemas psicológicos. Ela foi levada para a casa da mãe dela para ser encaminhada a um psiquiatra em Guarantã do Norte.

De acordo com a polícia, o pai, de 26 anos, contou que filmou a atitude da mãe em um “momento de bobeira”.

Aos conselheiros, a avó da criança disse que a bebê é bem tratada e que esse foi um caso pontual, pois a jovem teve uma gravidez complicada e está com depressão. Por segurança devido à repercussão do caso, a família foi para uma fazenda, a 130 km da cidade.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade