divdiv
PUBLICIDADE

Educação

Publicidade

Estudante erechinense é medalhista na Olimpíada Nacional de Matemática

Stéfani é aluna da Escola Municipal de Ensino Fundamental Jaguaretê

Por: Ascom

Na tarde desta sexta-feira (1), a estudante Stéfani Brenda Racoski, do 8º ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Jaguaretê, acompanhada de familiares, professores e representantes da Secretaria Municipal de Educação de Erechim, participaram da Cerimônia Regional de Premiação da 16ª OBMEP realizada no Centro de Eventos na Universidade de Passo Fundo (UPF).

A estudante conquistou a Medalha de Bronze diante de seu esforço e dedicação na edição de 2021 da competição. A OBMEP é um projeto nacional realizado desde 2005 pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), e promovida com recursos do Ministério da Educação (MEC), do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), com o objetivo de estimular o estudo da matemática por meio de soluções de problemas que despertem o interesse e a curiosidade de professores e estudantes.

“É um momento inesquecível para minha vida e é gratificante esse reconhecimento pelo meu esforço e dedicação”, comentou a estudante.

Os estudantes medalhistas de ouro, prata e bronze da OBMEP participam do PIC (Programa de Iniciação Científica) que propicia a todos os alunos premiados entrar em contato com interessantes questões no ramo da Matemática, ampliando o conhecimento científico e preparando-o para um futuro desempenho profissional e acadêmico. A participação poderá ocorrer de forma presencial, se houver um polo de Iniciação Científica perto da sua residência, ou a Distância com aulas virtuais. Além disso, os alunos têm acesso a um fórum virtual no qual realizam tarefas complementares às aulas e recebem um auxílio financeiro de incentivo a participação.

A diretora da Escola, Fabíola Izoton, destacou o orgulho da comunidade escolar com a conquista da estudante. “A premiação recebida pela Stéfani, além de outras já conquistadas, é fruto da sua dedicação e entusiasmo pelos estudos. É uma estudante muito focada e tem objetivos claros em sua vida. Toda a Comunidade Escolar está muito orgulhosa da conquista e por mais uma vez levar o nome da Escola a um reconhecimento nacional. Reconhecemos também o trabalho realizado pela professora Juliane Carla Berlanda, que trabalha com a disciplina de Matemática na escola e incentiva a participação dos estudantes nesta Olimpíada”, destaca a diretora.

“Parabenizo a EMEF Jaguaretê, em especial a professora Juliane Berlanda e a estudante do 8° Ano Stéfani Racoski pela conquista. Mérito do seu esforço e dedicação. Enquanto Secretaria de Educação e Coordenação do Ensino Fundamental buscamos a todo momento incentivar a participação de nossas Escolas em concursos, olimpíadas, justamente porque acompanhamos o excelente trabalho das mesmas e acreditamos muito no potencial e capacidade de nossos estudantes. Muito emocionante acompanhar este momento”, parabeniza a coordenadora do Ensino Fundamental, professora Luciana Tomazoni de Oliveira.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade