divdiv
PUBLICIDADE

Esportes

Publicidade

Jogando fora de casa, Inter perde por 2 a 1 para o Vitória pelo Brasileirão

Com o resultado, a equipe de Eduardo Coudet permanece com 11 pontos.

Por: O Sul
Fotos: Ricardo Duarte/Inter

Jogando fora de casa na tarde deste domingo (16), o Inter perdeu por 2 a 1 para o Vitória em partida válida pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. O gol do Colorado foi marcado por Wesley. Com o resultado, em Salvador (BA), a equipe de Eduardo Coudet permanece com 11 pontos. Na quarta-feira (19), o Inter enfrenta, como mandante, o Corinthians Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).

O empate parecia garantido até o último minuto, quando um pênalti marcado pelo VAR selou a vitória do Vitória, deixando o Inter no meio da tabela do Brasileirão.

O jogo

Desde o início, o Inter demonstrou dificuldades em campo. Aos nove minutos, uma falha de comunicação resultou na abertura do placar pelo Vitória. Vitão errou ao tentar afastar a bola, que sobrou para Thiago Maia, mas ele perdeu a posse, permitindo que Osvaldo ajeitasse para Willian Oliveira marcar. Apesar do susto inicial, o time gaúcho foi salvo pelo VAR aos 22 minutos, anulando um gol do Vitória por impedimento. No entanto, a defesa do Inter continuou a mostrar insegurança.

O Inter conseguiu criar algumas chances ao longo do jogo, mas faltou precisão nas finalizações. Wanderson e Hyoran tiveram boas oportunidades, mas não conseguiram converter. Nos acréscimos do primeiro tempo, Robert Renan teve a melhor chance após um rebote, mas o goleiro Lucas Arcanjo fez uma excelente defesa. O empate parecia garantido até o último minuto, quando um pênalti marcado pelo VAR selou a vitória do Vitória, deixando o Inter no meio da tabela do Brasileirão.

Ficha técnica

– Vitória: Lucas Arcanjo, Willean Lepo, Camutanga, Wagner Leonardo e Lucas Esteves (Eryc Castillo); Luan Vinícius (Zé Hugo), Willian Oliveira e Léo Naldi; Matheuzinho (Jean Mota), Osvaldo (PK) e Alerrandro (Luiz Adriano). Técnico: Thiago Carpini.

– Inter: Fabrício, Hugo Mallo, Vitão (Bustos), Mercado e Robert Renan; Thiago Maia, Matheus Dias (Bruno Henrique) e Aránguiz (Gabriel Carvalho); Wanderson (Wesley), Hyoran (Gustavo Prado) e Alario. Técnico: Eduardo Coudet.

– Arbitragem: Bruno Arleu de Araújo (Fifa-RJ). Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha e Thiago Rosa de Oliveira.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE