divdiv
PUBLICIDADE

Cidade

Publicidade

População critica aglomerações e filas na Central de Vacinação em Erechim

Central de Vacinação foi alvo de críticas por fotos que mostram idosos aglomerados e desrespeitando o distanciamento

Por: Da Redação
Fotos: Ilustração com imagens do local

Após a vacinação da Covid-19 ter sido transferida para a Central de Vacinação, local em que a Prefeitura de Erechim preparou para se tornar o principal ponto da aplicação das doses à população, foram encaminhadas críticas e denúncias da comunidade ao Jornal Atmosfera em relação as filas, aglomerações e desorganização.

Nesta terça-feira, 20, aconteceu a imunização contra à Covid em idosos com idade de 60 anos ou mais. Nas filas foi evidenciado o descumprimento dos protocolos sanitários na antiga sede da Fundação Cotrel, no Bairro Três Vendas e a vacinação se tornou alvo de duras críticas por parte da população.

Organização da fila

O distanciamento de 2 metros não foi respeitado, a Força Voluntária juntamente com a Defesa Civil estiveram no local para organizar a fila e conter as aglomerações.

Manifestação do Poder Público Municipal

Solicitamos a manifestação da Prefeitura de Erechim, através da Secretaria de Saúde para esclarecer a ocasião.

Nota na íntegra

”A Secretaria de Saúde informa que a Central de Vacinação foi criada para evitar que as pessoas que vão tomar as doses (que não podem ter sintomas gripais), entrem em contato com pessoas que estão com sintomas da Covid-19 e buscam o atendimento primário nas Unidades Básicas de Saúde. Além disso, com a centralização da vacinação contra Covid-19 e Influenza/H1N1 em um espaço como a antiga Fundação Cotrel, as Unidades Básicas do município conseguem concentrar os esforços no atendimento da saúde primaria e da família, que é uma proposta da atual administração, com fortalecimento das especialidades que estão nas unidades, como aconteceu com a ampliação do número de profissionais de psicologia e nutrição.

A Fundação Cotrel, onde fica a Central de Vacinação é um espaço amplo, arejado, e que permite um grande fluxo de público para vacinação. Destacamos que o período de aplicação da vacina em um grupo é sempre suficiente para o mesmo, mas é impossível controlar as pessoas que estão ansiosas para serem imunizadas e acabam indo até o local, sempre no primeiro dia e primeiras horas de um novo grupo.

Observamos que neste início de semana, o maior volume de pessoas se dá entre às 7h30 e 11h e salientamos que o espaço funciona das 8h às 14h, todos os dias, inclusive aos sábados. Nossa equipe no local, está sempre preparada para orientar as pessoas e fazer o atendimento necessário, mas pedimos a colaboração de todos para que entendam que é necessário o distanciamento na fila de espera.

Vale destacar que, no primeiro dia de vacinação, segunda-feira (19), para o grupo de 60 anos ou mais, foram vacinadas 748 pessoas e, no dia de hoje (20) o total de 935.”, repassado através da Comunicação da Prefeitura.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade