divdiv
PUBLICIDADE

Cidade

Publicidade

Semana de segunda dose contra a Covid e imunização contra a gripe Influenza em Erechim

Para se alcançar a imunidade coletiva, que freia a transmissão do vírus e facilita a retomada de uma maior normalidade, é preciso alcançar uma cobertura ao redor de 70% da população com esquema vacinal completo

Por: Ascom

Nesta terça-feira (19), a Prefeitura de Erechim, através da Secretaria de Saúde, estará aplicando a segunda dose, exclusivamente na Central de Vacinação, naquelas pessoas que tomaram a primeira dose do imunizante até 11 de maio contra a Covid-19.

Conforme explica o prefeito de Erechim, Paulo Polis, hoje Erechim chega a 80 mil vacinados com a primeira e a segunda dose e, agora, é de fundamental importância que as pessoas procurem à Central de Vacinação para receber a segunda dose do imunizante e completar o esquema vacinal.

“Até o final desta semana cerca de 5 mil pessoas devem se dirigir até a Central para a imunização completa com a Dose 2. Reforçamos para a nossa população que é muito importante buscar a segunda dose porque a eficácia da vacina foi determinada a partir de estudos que testaram fazendo duas aplicações. Acreditamos na ciência e somos sabedores de que a vacina é o caminho para a prevenção dos casos mais graves da Covid-19”, declara o prefeito.

Para se alcançar a imunidade coletiva, que freia a transmissão do vírus e facilita a retomada de uma maior normalidade, é preciso alcançar uma cobertura ao redor de 70% da população com esquema vacinal completo. Pode ser necessária uma proporção ainda maior, dependendo de fatores como o nível de circulação do vírus e a eficácia dos imunizantes em uso. Hoje, Erechim já imunizou mais de 67,10% da população com a primeira dose e cerca de 27,81% com a segunda aplicação.

“Estamos ponteando o ranking dos municípios com maior número de vacinados no Estado entre as cidades com mais de 100 mil habitantes. Porém, temos outro desafio que é incentivar as pessoas tomarem a segunda dose. Isso depende de um esforço coletivo entre poder público e comunidade. Se não conseguirmos atingir o patamar da imunidade coletiva, não vamos ver o efeito esperado da vacinação. Por isso contamos com a conscientização de todos para que tomem a segunda dose e completem o esquema vacinal contra a Covid-19”, observa o prefeito de Erechim, Paulo Polis. 

Ampliada vacinação contra a gripe

A vacinação contra a gripe foi expandida a toda população de Erechim. O imunizante, que protege contra a Influenza H1N1, está sendo aplicado nas 12 Unidades Básicas de Saúde (UBS) da Capital da Amizade. A Secretaria de Saúde pede que as pessoas fiquem alertas para o prazo de aplicação entre os imunizantes da Covid e H1N1.

A pasta orienta que seja priorizada a administração da vacina contra Covid-19. Caso a primeira ou segunda dose já esteja marcada, o ideal é de que se respeite o intervalo de 14 dias para se imunizar contra a Influenza.

Local da vacinação contra a Covid-19

A Central fica localizada na Rua Júlio Trombini, 634, Bairro Três Vendas, antiga Fundação Cotrel. Das 8h às 17h (de segunda a sexta-feira) e das 8h às 14 (no sábado).

Documentação

– Comprovante de residência

– CPF

– Identidade

– Cartão do SUS

– Carteira de vacinação

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade